sexta-feira,

12/07/2024

Joinville/SC

Liberado saque do FGTS para famílias atingidas pela chuva em Araquari

A Caixa Econômica Federal, liberou o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para famílias atingidas pela chuva, em fevereiro de 2024, em Araquari.

A Defesa Civil cadastrou 640 pessoas no relatório de afetados, que poderão sacar até R$ 6.200 do Fundo (se houver esse saldo na conta do contribuinte).

Entre os atingidos pela chuva há doze índios aptos a receber os valores do FGTS. Eles possuem vínculo empregatício urbano dentro das aldeias, trabalham como professores, agentes de saúde ou agentes de saneamento.

Para ter acesso ao benefício é preciso baixar o aplicativo FGTS, no celular, disponível na versão IOS e Android, e seguir o passo a passo:

1- Acessar o menu “meu saque”
2- Selecionar “Outras Situações de Saque”
3- Selecionar o motivo do saque (calamidade pública)
4- Escolher um canal para receber o FGTS – Caso tenha dificuldades de escolher se dirigir a uma agência da Caixa Econômica para orientações.
5- Enviar seus documentos: Tirando Fotos dos Documentos necessários direto no APP

6- Verificar seus dados e confirmar o saque
7- Acompanhe o andamento da sua solicitação de saque no próprio APP

Para os que atenderem os requisitos no APP, a Caixa Econômica poderá aprovar até o dia 04 de julho.

Em caso de dúvidas, o solicitante deve procurar uma Agência Bancária da Caixa mais próxima. O trabalhador pode indicar uma conta para depósito em qualquer Instituição Financeira ou sacar presencialmente o valor. Para agilizar, tenha em mãos um documento de identificação e um comprovante de residência. O trabalhador pode acompanhar a evolução da solicitação de saque, que mostra o histórico da
análise para liberação.

Caso haja impedimento, será apresentado o motivo.

 

Relembre a situação

Entre os dias 24 e 25 de fevereiro de 2024, Araquari registrou 281.4 milímetros de chuva, o que era esperado para dois meses. No dia 25/02 a prefeitura decretou Situação de Emergência. Houve registros de inundações e dois deslizamentos de terra no município.

Os bairros mais afetados foram o Itinga, Centro e Rainha. A Defesa Civil, Bombeiros e equipes da Secretaria de Obras e Infraestrutura trabalham durante a madrugada atendendo as ocorrências.
Uma aldeia indígena, Tarumã, ficou isolada.

Os índios foram levados para uma escola dentro da aldeia. Houve registros de inundações também nas aldeias Pindoty, Jabuticabeira e Yvaporu.

A Secretaria de Assistência Social do Município, e a Defesa Civil Estadual, doaram cestas básicas, colchões e água para os atingidos. Uma força tarefa foi realizada para recolher os entulhos e evitar acúmulo de materiais e consequentemente a reprodução do mosquito transmissor da dengue.

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo