sábado,

20/07/2024

Joinville/SC

Joinville será a pioneira no tratamento de emergências hipertensivas na gravidez

Joinville será a primeira cidade do país a realizar o tratamento imediato com sulfato de magnésio para as pacientes gestantes que forem diagnosticadas com crise de hipertensão. A Secretaria da Saúde da Prefeitura de Joinville adotará esse procedimento pioneiro após a capacitação “Emergências Hipertensivas na Gravidez”, que ocorreu na terça e quarta-feira (4 e 5/6).

O evento, realizado na Univille, reúne mais de 150 profissionais da saúde de Joinville e região e conta com palestrantes de vários Estados que pertencem à Rede Brasileira de Estudos Sobre Hipertensão na Gravidez (RBEHG).

Um deles é o médico gaúcho Sérgio Martins Costa, professor de ginecologia e obstetrícia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

“O sulfato de magnésio previne novas convulsões da paciente e é muito seguro. Joinville será a primeira cidade do Brasil a utilizá-lo como tratamento imediato. No Brasil são registradas mais de 500 mortes por ano por crises de hipertensão na gravidez e poderiam ser evitadas”, explica o médico.

A capacitação “Emergências Hipertensivas na Gravidez” é voltada para médicos, enfermeiras e técnicos de enfermagem de Joinville e Região.

“É uma preocupação de todos os municípios, porque é uma doença evitável e tratável. E com um diagnóstico rápido salvamos a vida de gestantes com segurança. Todas as equipes da urgência e emergência de Joinville e Região estão sendo capacitadas”, informa Janaína Pravato Vicente Banin, farmacêutica e técnica do núcleo de gestão assistencial da Secretaria da Saúde.

O procedimento iniciará na atenção secundária (atendimentos de urgência e emergência) e na sequência será implantado também na primária (Unidades Básicas de Saúde da Família).

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo