sexta-feira,

19/07/2024

Joinville/SC

Festival de Ópera de Joinville será maior e homenageará imigrantes

Joinville voltará a ser a capital nacional da ópera, mas desta vez por um período maior.
Ao longo de três semanas, entre 17 de agosto e 8 de setembro, a Sociedade Harmonia Lyra fará do 4º Festival de Ópera de Joinville um dos maiores eventos do gênero no país, aliando grandes atrações, homenagens e formação de plateia.
Os ingressos começarão a ser distribuídos gratuitamente na segunda quinzena de julho, mas é sugerida a doação de 3kg de alimento por pessoa.
  A programação terá sete noites de apresentações, que contarão com talentos como os cantores líricos joinvilenses Douglas Hahn, Jean Gorges e Karla Huch, os pianistas Matheus Alborghetti e Arthur Brandt e mais 25 músicos, entre cantores e  instrumentistas, que irão abrilhantar o palco da Lyra.
  Já na abertura do festival, uma homenagem ao compositor italiano Giacomo Puccini, lembrado em todo o mundo pelos 166 anos de seu nascimento e os 100 anos da data de sua morte.
A noite contemplará dois momentos: no primeiro ato, um ensemble musical de peças de suas óperas mais conhecidas; e no segundo, um especial da bela e consagrada ópera “La Boheme”.
  Por falar em Itália, os 150 anos da imigração italiana no Brasil será celebrada por meio de composições do genial compositor Giuseppe Verdi, que superou a origem humilde destacando-se no mundo da música.
Verdi foi um grande colaborador e contribuiu para unificar os vários estados e vilas independentes, que tornaram-se a Itália que conhecemos hoje.
  Outra comemoração presente no festival é os 200 anos da imigração alemã no Brasil. Para isso, foi feita uma seleção de canções germânicas interpretadas pelos cantores líricos do evento.
Também o compositor alemão Johann Sebastian Bach, que dedicou grande parte de sua vida a criação de músicas sacras, se fará presente com a opereta “Kaffekantat”, ou “Cantata do Café”, uma peça curta, cômica e com todo o charme da época.
                                      Mostras paralelas
  Além das apresentações no palco principal da Lyra, o 4º Festival de Ópera de Joinville vai oferecer duas mostras didáticas sob medida para o público infantil.
Nestas ocasiões, as escolas públicas da cidade serão convidadas a assistir ao ensaio geral de uma das óperas do programa e interagir com os artistas, tomando assim um contato mais próximo com o universo operístico.
  Já a Mostra Literária contará com o lançamento do Livro “Yara, uma ópera às margens do Tibagi”, da pianista, museóloga, professora e doutoranda Semitha Cevallos.
Trata-se da história da única ópera escrita em Joinville, composta pelo maestro austríaco Josef Prantl, e a primeira a estrear na cidade, na década de 1930.   
SERVIÇO:
O QUÊ: 4º Festival de Ópera de Joinville.
QUANDO: De 17 de agosto a 8 de setembro.
ONDE: Sociedade Harmonia Lyra, rua 15 de Novembro, 485, Centro.
QUANTO: Gratuito. Distribuição de ingressos inicia na segunda quinzena de julho.
Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo