sexta-feira,

12/07/2024

Joinville/SC

Acusado de dopar e estuprar criança no Paranaguamirim é liberado após audiencia de custódia

Após audiência de custódia que ocorreu nesta quinta-feira (21), o homem de 23 anos, cuja identidade não foi divulgada, acusado de abordar, sequestrar, dopar e estuprar uma criança de 12 anos, foi liberado com tornozeleira eletrônica.

Os fatos ocorreram quando a menina saiu para passear com o cachorro, em um trajeto que levava cerca de 15 minutos.

As câmeras de monitoramento registraram o momento em que o indivíduo abordou a jovem na Rua Elizabet Rech, no bairro Paranaguamirim, enquanto ela estava com seu cachorro.

O suspeito, que já possuía passagens pela polícia por tráfico de drogas, ofereceu água para o cachorro como pretexto para interagir com a criança, e em seguida, levou-a para sua residência.

Após a família realizar buscas e divulgar o desaparecimento nas redes sociais, a Polícia Militar prendeu o suspeito, que posteriormente confessou o crime.

Na chegada da PM à casa do suspeito, a criança foi encontrada desorientada e apresentando sinais de ter sido dopada.

A vítima passou quase 18 horas desaparecida antes de ser localizada pela polícia.

Após ser encontrada pela polícia, a criança foi encaminhada para atendimento hospitalar, onde recebeu cuidados médicos adequados.

No hospital, foram realizados exames para avaliar sua condição de saúde e possíveis consequências do ocorrido.

A vítima recebe todo o suporte necessário após o trauma vivenciado.

 

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo