sexta-feira,

12/07/2024

Joinville/SC

SBT Flagra Caminhões Com Doações Ao RS Sendo Multados; ANTT e PRF Alegam Ser ‘Fake News

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) divulgaram uma declaração em resposta a uma matéria do SBT, alegando que estariam aplicando multas por excesso de peso e falta de nota fiscal das mercadorias transportadas para o Rio Grande do Sul, provenientes das doações arrecadadas no país.

Segundo a nota, na noite da última segunda-feira (6), a equipe da jornalista Márcia Dantas, do SBT, estava a caminho do estado gaúcho quando teria testemunhado um dos caminhões do comboio da Prefeitura de Florianópolis, conduzido por um funcionário da Defesa Civil, sendo notificado por uma multa devido ao excesso de peso do veículo.

Reportagem SBT

De acordo com a reportagem veiculada no jornal Tá na Hora,  além da situação apresentada na reportagem, outros caminhoneiros relataram à apresentadora Márcia Dantas que, no momento da fiscalização, precisaram apresentar também documentos com a relação dos itens que estão sendo transportados.

O apresentador Marcão do Povo, que comanda a atração, ficou indignado: “Eu fico emocionado, pois estamos passando por um dos momentos mais difíceis, uma das maiores catástrofes da história do país.

O povo sofrendo, morrendo, sem ter o que comer. O Brasil mobilizado e alguns caminhões multados porque não tem nota fiscal. Uma tristeza muito grande”.

NOTA DA ANTT 

Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) esclarece que, neste período emergencial, não está retendo veículos de carga nas vias de acesso ao Rio Grande do Sul.

Os veículos de carga que passam nas balanças em rodovias que acessam o Estado passam por um procedimento simplificado de fiscalização e são liberados para seguir viagem.

Não há solicitação de nota fiscal e nem aplicação de multas sobre veículos que transportam donativos.

Os vídeos que circulam na internet que afirmam que a ANTT reteve veículos de doação não condizem com a realidade dos fatos.

A ANTT está empenhada na facilitação da movimentação de cargas, sobretudo gênero de primeiras necessidades, para abastecimento da população atingida pelas chuvas no Rio Grande do Sul, além de mobilizar equipes da própria Agência e dos entes regulados no auxílio à população atingida e no reestabelecimento da normalidade.

PRF desmente que caminhões com donativos estão sendo impedidos

Após mensagens circularem informando que os caminhões estavam sendo impedidos de seguir viagem por não estarem com nota fiscal dos donativos, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) afirmou que não está bloqueando o trânsito de veículos com doações e que está “trabalhando incansavelmente para garantir a rapidez nas entregas das doações para os atingidos pelas chuvas no Rio Grande do Sul”.

Nota de esclarecimento
Foto: Divulgação (AESCOM/ANTT)
Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo