quinta-feira,

25/07/2024

Joinville/SC

Prefeitura de Joinville autoriza início das obras do Palácio das Orquídeas

Um palácio para conhecer, apreciar e estudar um dos símbolos de Joinville: a orquídea.

Esse é mais um dos investimentos que a Prefeitura de Joinville começa a construir no município a partir desta segunda-feira (22), com a assinatura e entrega da Ordem de Serviço que autoriza o início das obras do Palácio das Orquídeas.

A estrutura será construída em um terreno próximo à Escola Agrícola Municipal Carlos Heins Funke e à Unidade de Desenvolvimento Rural, no início da SC-418, em Pirabeiraba.

Além de ser uma área para visitação turística, o complexo vai abrigar um laboratório de botânica, que poderá ser usado pelos alunos da Rede Municipal de Ensino.

O entorno do Palácio terá uma área de aproximadamente 5 mil metros quadrados, que contará com paisagismo e ajardinamento.

“O início da obra representa um sonho pensado e planejado durante um jantar que tive dentro da AJAO. Lá eu vi a importância dessa associação que mantém a cultura e o cultivo da orquídea.

Com certeza essa obra vai significar muito para o turismo, não apenas regional, mas nacional e internacional.

Para o joinvilense, será um grande parque de lazer, com gastronomia e uma espelho d’água para as crianças brincarem.

E para a nossa Escola Agrícola, teremos um laboratório para que os alunos aprendam a cultivar as orquídeas”, afirma o prefeito Adriano Silva.

“Essa é a realização de um grande sonho. O sonho de dar um presente para Joinville e que mostre para todos os visitantes a nossa paixão pelas orquídeas.

O Palácio, além de ser um grande instrumento turístico, vai reverenciar essa tradição e vai ensinar para as próximas gerações que isso é muito importante para a nossa cultura e para a nossa cidade”, destaca a vice-prefeita Rejane Gambin.

O investimento da Prefeitura de Joinville na construção será de R$ 13,2 milhões e a empresa vencedora da licitação foi a LL Soluções e Serviços Ltda.

Apenas em estrutura metálica são cerca de 141,6 toneladas e 1,4 mil metros quadrados de vidros, além de 1,2 mil metros cúbicos de concreto.

“O Palácio das Orquídeas vem para coroar esse trabalho que a AJAO vem fazendo por mais de 85 anos, já se programando para o centenário.

O joinvilense merece um local apropriado para mostrar as belezas que a gente tem no dia a dia “, comenta o presidente da Agremiação Joinvilense de Amadores de Orquídeas, Jacson Zandonai.

Projeto referencia prédio histórico de Joinville

O projeto do Palácio das Orquídeas foi elaborado pela Secretaria de Pesquisa e Planejamento Urbano (Sepur) de Joinville e teve como referência a arquitetura do Museu Nacional de Imigração e Colonização.

As equipes buscaram inspiração no edifício que é icônico de Joinville e ainda não havia sido referenciado em nenhuma obra de arquitetura.

O projeto do Palácio das Orquídeas tem como referência a arquitetura colonial francesa de séculos passados, que será percebida em linhas, arcos e curvas.

Com a contemporaneidade, foi possível projetar uma área para contemplação, mas também para estudo que vai garantir a preservação e desenvolvimento das plantas.

O prédio contempla sistema para irrigação, com controle para cada flor que estará em exposição, sistemas de ventilação natural para que o prédio tenha temperatura amena para o desenvolvimento das flores, com conforto para a visitação.

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo