sexta-feira,

12/07/2024

Joinville/SC

Operação conjunta prende suspeito de decapitação em Araquari

Uma operação conjunta nesta terça-feira (04) cumpriu um mandado de prisão preventiva de um suspeito envolvido na decapitação de um homem, cuja cabeça foi encontrada em um posto de gasolina na BR-280 em Araquari, em março de 2024.

Dias após o crime, um veículo suspeito de ter sido usado pelos criminosos para transportar a vítima foi apreendido.

As investigações revelaram que a morte foi ordenada por membros de uma facção criminosa, após a vítima denunciar um homem como autor do furto de notebooks em uma empresa situada no pátio do posto onde a cabeça foi encontrada.

A operação, realizada após três meses de investigação, mobilizou 30 policiais civis e militares. Além da prisão, foram cumpridos três mandados de busca nas residências dos investigados nos bairros Volta Redonda e Jardim das Oliveiras.

Durante a ação, foram apreendidos uma arma calibre 38, uma carabina de pressão modificada, um simulacro de arma de fogo, munições de calibres diferentes, dinheiro em espécie, celulares e drogas.

Os mandados de busca e apreensão têm o objetivo de aprofundar as investigações sobre as circunstâncias do crime hediondo e identificar a participação de outros envolvidos.

O preso foi encaminhado à Unidade Prisional Avançada de São Francisco do Sul e está à disposição da justiça.

A operação contou com a participação da Delegacia de Polícia Civil de Araquari, do 5º Comando Regional de Polícia Militar, por meio da 2ª Companhia do 27º Batalhão e Guarnições do Tático e Canil do 1º BPR, juntamente com a Delegacia de Homicídios, 1ª e 4ª Delegacias de Joinville, Delegacia de Polícia de Balneário Barra do Sul, Delegacia de Polícia de São Francisco do Sul e Núcleo de Operações com Cães da PCSC.

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo