sábado,

13/07/2024

Joinville/SC

Motorista que morreu durante tentativa de fuga na BR-280 é identificado

Foi identificado como Juliano Pereira, de 42 anos, o motorista que morreu após colidir com uma viatura policial na BR-280, em  Irineópolis, na tarde desta segunda-feira (1º).

Juliano, que estava em um Renault Clio, tentava fugir de um cerco policial após ter ameaçado o companheiro de sua ex-mulher e declarado que iria até Caçador para matá-la.

A Polícia Militar de Canoinhas recebeu a denúncia de que Juliano, armado, havia ameaçado o atual companheiro de sua ex-esposa. Após as agressões, ele afirmou que iria até a cidade de Caçador para matá-la.

Guarnições da Companhia de Patrulhamento Tático e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram acionadas, e a rodovia foi bloqueada para interceptar o suspeito.

Juliano, no entanto, ignorou todas as ordens de parada e realizou manobras perigosas, como ultrapassagens pela contramão e cruzamentos arriscados.

No trecho de Poço Preto da BR-280, Juliano colidiu com a traseira de uma viatura da PRF, que estava bloqueando a estrada em apoio à operação.

Após a colisão, o Renault Clio capotou. O Corpo de Bombeiros Militar encontrou Juliano sem sinais vitais e com múltiplas fraturas.

Dois policiais rodoviários federais, de 33 e 32 anos, sofreram ferimentos leves e foram atendidos pelos bombeiros. Um policial militar que estava no local não sofreu ferimentos.

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo