sábado,

13/07/2024

Joinville/SC

Joinville é nível A no Mapa do Turismo Brasileiro pelo segundo ano seguido

Joinville é nível A no Mapa do Turismo Brasileiro pelo segundo ano seguido

O Ministério do Turismo (MTur) certificou, pelo segundo ano consecutivo, Joinville como integrante do Mapa do Turismo Brasileiro 2024.

O município está no grupo A desta classificação, que varia de A a E. A certificação é válida por meio do Programa de Regionalização do Turismo (PRT) e dos Interlocutores Estaduais do PRT.

Localizada entre a serra e o mar, a cidade tem se consolidado como polo de turismo de lazer em Santa Catarina. Além de Joinville, quatro cidades catarinenses receberam a nota máxima: Florianópolis, Balneário Camboriú, Bombinhas e Itapema.

Segundo o secretário de Cultura e Turismo, Guilherme Gassenferth, o posicionamento da Prefeitura de Joinville a favor do turismo, associado a união entre o trade e as entidades turísticas, faz a cidade tornar-se referência.

“Conquistamos destaque em rankings de visitação em plataformas como Airbnb e Decolar, com resultados positivos para hotelaria, restaurantes e atrativos turísticos.

Em 2023, o poder público firmou convênio com o Joinville Convention & Visitors Bureau, repassando recursos para promoção turística da cidade. Estas ações nos apresentam para os turistas nacionais e internacionais como um ótimo destino”, afirma.

Joinville faz parte do programa “Destinos Turísticos Inteligentes” do Ministério do Turismo. No ano passado, a cidade foi escolhida pelo Swiss Tourism Awards na categoria “Destinos para Descobrir” e foi o único município na América do Sul selecionado pela organização do evento. A premiação ocorreu na Suíça.

O Caminhos de Dona Francisca é uma rota que também foi contemplada pelo Ministério no projeto Experiências do Brasil Rural.

“Com tantos atrativos que encantam os turistas, estamos cada vez mais nos consolidando como destino de lazer, nos tornando uma cidade que as pessoas procuram para passar férias”, explica a gerente de turismo da Secult, Vanessa Falk.

O Mapa do Turismo Brasileiro serve como guia para o Ministério do Turismo desenvolver políticas públicas no setor, incluindo investimentos e obras do Governo Federal voltados ao turismo, cursos de qualificação profissional e revisão de planos e estudos do setor.

A classificação considera critérios como quantidade de estabelecimentos de hospedagem, quantidade de empregos em estabelecimentos de hospedagem, número de visitantes domésticos, internacionais e arrecadação de impostos federais a partir dos meios de hospedagem.

Você não pode copiar o conteúdo desta página
Pular para o conteúdo